Domingo, 20 de Outubro de 2019
Politica do DF

Morte de Eri Varela abala família Roriz com segunda perda simbólica no mês

No começo de abril, família lastimou o falecimento de Benjamin Roriz, ex-secretário de Governo. Ex-presidente da Terracap e advogado de Roriz morreu quatro dias depois

Publicada em 06/04/19 às 20:22h - 109 visualizações

por PORTAL DE NOTICIAS DA RÁDIO SERTANEJO TOP 10 - IVAN MORENO


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: PORTAL DE NOTICIAS DA RÁDIO SERTANEJO TOP 10 - IVAN MORENO)

Extremamente inteligente, profissional dedicado e amigo fiel. Os adjetivos usados por conhecidos para descrever Eri Varela, 62, ex-advogado de Joaquim Roriz, explicam como era o homem que faleceu na última sexta-feira (5/4). A perda foi ainda mais delicada para a família do político que marcou Brasília por ter ocorrido quatro dias após o falecimento de outra figura importante, Benjamin Roriz, ex-secretário de Governo, que morreu no dia 1º de abril.

O celular de Liliane Roriz tocou na madrugada deste sábado (6/4) com a notícia do acidente na BR-040. A filha do ex-governador não conseguiu acreditar no falecimento de Eri, tido como companheiro profissional e pessoa. "Estou sem saber o que dizer. É uma perda lastimável, que nos abalou muito, porque tínhamos um carinho muito grande por ele, como se fosse da família."

Eri Varela era companheiro de longa data da trajetória de Joaquim, como contou Liliane. "Ele acompanhou a vida do meu pai desde Goiás e os dois se entendiam muito bem. O que meu pai perguntava ele sabia responder com precisão, com muito cuidado. Então acredito que o Roriz sem o doutor Eli não seria o mesmo."

Outra pessoa que conviveu com o ex-presidente da Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) foi o também ex-advogado de Roriz, Everardo Ribeiro. O amigo da família lembra que foi criada uma relação de confiança grande entre quem trabalhava com Joaquim. "Quando se prestam serviços de advocacia por um tempo com o cliente, acaba que são construídos muitos laços de amizade. E foi assim com o Eri, que era próximo de mim e da família Roriz."

Joaquim Roriz ao lado do advogado Eri Varela durante solenidade de assinatura de ordem de serviço para a urbanização do Sudoeste, em 2003(foto: Carlos Vieira/CB/D.A Press)

Semana triste

O primeiro dia do mês de abril começou com outro fato doloroso para pessoas ligadas a Joaquim Roriz. Seu primo distante e ex-secretário de Governo, Benjamin Roriz, faleceu enquanto dormia, em casa, na madrugada de segunda-feira (1º/4). Everardo lembrou que se encontrou com Eri no velório.

"Nós estivemos presentes no enterro do nosso amigo e conversamos sobre a vida. Essa é a última lembrança que terei de um grande profissional, com grandes feitos, respeitado, de vitórias importantes, muito aguerrido e competente. Agora é ter fé que Deus console a família."

As últimas informações sobre Eri são de que seu corpo estava em Formosa. Ainda não há confirmações sobre seu enterro e velório. O ex-presidente da Terracap não resistiu aos ferimentos de uma colisão com ônibus na BR-040, como mostrou o Correio. A morte aconteceu no KM 62, em Cristalina.

 Segundo pessoas próximas, Eri era pai de quatro estudantes de uma escola particular do Lago Sul. A instituição faria uma solenidade de entregas de medalhas neste sábado e seus filhos seriam homenageados. O advogado estava a caminho de Brasília para participar deste momento com as crianças.Com informação do CB.  

 Tags #eri varela  #roriz  #falecimento




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 61 99695-2912

Visitas: 380091
Usuários Online: 58
Copyright (c) 2019 - PORTAL DE NOTICIAS DA RÁDIO SERTANEJO TOP 10 - IVAN MORENO