DF é a primeira unidade da federação a realizar videoconferência de altíssima qualidade de som e vídeo em tempo real

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, participou na manhã desta quinta-feira (6) da primeira telepresença utilizando a tecnologia 5G no Brasil. A transmissão ocorreu durante evento de inauguração da Sala de Reuniões da Huawei no Parque Tecnológico de Brasília – Biotic.

O ambiente dedicado para realização de reuniões permite que imagens de tamanho natural, por meio de vídeo e áudio. A proposta cria uma solução com o conceito de todos no mesmo local, fazendo com que os participantes se sintam como se estivessem na mesma mesa, com pessoas em locais remotos.

Esta é a primeira sala de reuniões 5G da empresa chinesa no Brasil. Já o sinal da tecnologia móvel de quinta geração da Huawei está disponível no Parque Tecnológico de modo permanente desde julho de 2020 | Foto: Renato Alves / Agência Brasília

Para o governador Ibaneis Rocha, esses projetos nascem com a cara e a vocação da cidade. “Esse é um projeto de Brasília, um projeto de cidade moderna e em desenvolvimento”, disse o chefe do Executivo local.

Segundo o diretor de Relações Públicas e Governamentais da Huawei, Bruno Zitnick, trata-se de uma transmissão de altíssima qualidade, em alta resolução e definição, sem nenhum delay. Isso é uma das principais características de uma tecnologia 5: alta velocidade, com baixa latência, perfeita qualidade, sem nenhum problema técnico”, explicou.

Esta é a primeira sala de reuniões 5G da empresa chinesa no Brasil. Já o sinal da tecnologia móvel de quinta geração da Huawei está disponível no Parque Tecnológico de modo permanente desde julho de 2020. O laboratório 5G no BioTIC tem por objetivo habilitar startups e empresas a desenvolverem aplicações que utilizam o que a inovação traz de melhor: alta velocidade e baixa latência.

Segundo o presidente da Biotic S/A, Gustavo Dias Henrique, a infraestrutura 5G disponível no Parque Tecnológico de Brasília proporciona a realização de diversos testes que demonstram a potencialidade da tecnologia. “Um exemplo disso foi a telepresença do governador Ibaneis com o especialista da tecnologia 5G a Huawei, pois a principal diferença da internet 5G é o menor tempo de resposta para transferir um pacote de dados na rede”, explica.

O presidente do Parque destaca, ainda, que o 5G é a “porta de entrada” para os avanços como, por exemplo, na telemedicina com a realização de cirurgias a distância.

Com informações da Terracap