Profissional de saúde posa para o painel. Foto: Luiz Fernando Fernandes

Painel com “par de asas”, que lembram anjos, foi instalado para os colaboradores posarem para fotos

Durante o enfrentamento da pandemia da Covid-19 em todo o mundo, os profissionais de saúde têm sido verdadeiros anjos, em especial, para os pacientes recuperados no Hospital Regional de Luziânia (HRL). No último dia 21 de maio, o HRL completou um ano de funcionamento, tempo suficiente para recuperar mais de 1.150 internados, devolvendo a alegria para seus rostos e para suas famílias.

Como forma de homenagear esses anjos, o IMED – Instituto de Medicina, Estudos e Desenvolvimento –, entidade que gere o HRL, instalou um painel com uma foto de um lindo “par de asas”, para que todos os profissionais do hospital possam tirar fotos e assim revelarem sua real identidade angelical. Também foram servidos refrigerantes, águas, sanduíches e doces para os funcionários.

Na ocasião, os diretores do IMED e HRL discursaram e agradeceram a todos colaboradores pelo esforço e dedicação neste um ano de funcionamento. Cantores, acompanhados por um violinista embalaram o momento, deixando todos com os olhos marejados.

O diretor do IMED, Getro de Oliveira Pádua, emocionado, fez um discurso em que homenageou as pessoas presentes. “Temos a melhor equipe possível nesse hospital. Todos dão o seu melhor para recuperar e tratar dos pacientes. São verdadeiros anjos que salvam vidas e recuperam a alegria das famílias luzianenses e de outras cidades da região”, afirmou.


HRL completa um ano com números expressivos

            O Hospital Regional de Luziânia comemorou, além de um ano de funcionamento, excelentes números que só reforçam sua importância e qualidade. Foram mais de 1.150 pacientes totalmente recuperados, mais de 190 mil exames já realizados, 20 mil atendimentos no Pronto-Socorro e diversos prêmios e reconhecimentos recebidos pelos serviços prestados.

            Com uma média de três pacientes recuperados por dia, o HRL conta com 459 profissionais que trabalham diariamente para trazer de volta a saúde de seus pacientes. Diferentes projetos também estão em funcionamento, como o Amor Cantado, Árvore da Vida e Atendimento Humanizado.


Sobre HRL

O Hospital Regional de Luziânia (HRL) começou a receber os primeiros pacientes com sintomas de Covid-19 no dia 20 de maio de 2020. Vieram transferidos pela central estadual de regulação de vagas do Estado de Goiás. Os leitos são ocupados gradualmente, a partir da avaliação diária e conjunta da direção com a Secretaria Estadual de Saúde.

Estadualizado, após passar oito anos em obras, o HRL foi o primeiro hospital do entorno do Distrito Federal dedicado a tratar pacientes com sintomas respiratórios agudos causados pelo novo coronavírus. Cerca de 1,2 milhão de pessoas, que moram na região, são beneficiadas pelo Hospital Regional de Luziânia.

Assessoria de Comunicação

Aline Marinho (11) 95484-9927 – aline@ecco.inf.br
Luiz Fernando Fernandes (61) 99242-3668 – luizfernando@ecco.inf.br

--